Eles são mesmo o futuro de nosso país?

trote_2008

Um projeto de lei aprovado na semana passada pela Câmara dos Deputados prevê punições a quem pratica trote violento ou humilhante, como a suspensão das aulas ou uma multa de até R$ 20 mil. A proposta que ainda será analisada pelo Senado mostra que esse rito de iniciação tem extravasado qualquer limite racional.

Não entendo o motivo de tanta violência nesses trotes, o calouro está iniciando um curso universitário e não entrando em uma gang. Os veteranos que praticam trotes violentos demonstram apenas imaturidade e desrespeito e não que estão aprendendo algo com o curso escolhido. O que querem esses futuros advogados, médicos, engenheiros e comunicadores?

Essa prática mostra total falta de humanidade e respeito, conceitos primordiais para os futuros profissionais, mas acima de tudo, para os seres-humanos. Não é possível confiar em um médico ou advogado que espancou ou humilhou outra pessoa enquanto se preparava como profissional. A agressividade geralmente começa quando os veteranos obrigam os calouros a se pintarem, rasparem os cabelos ou fazer movimentos humilhantes, e quando isso não é aceito, eles partem para a agressividade. Acredito que existam trotes saudáveis, mas a maioria continua sendo no mínimo humilhante.

Os incidentes destes últimos anos mostram jovens da chamada “elite” tratando outras pessoas como bichos, extravasando e utilizando seu privilégio para práticas irracionais. Como esses jovens querem ser respeitados pelo governo e pela sociedade? Onde estão aqueles estudantes que em 1992 pintaram a cara e saíram às ruas para pedir o impeachment de Fernando Collor, então presidente do Brasil. Essa coragem e respeito deveriam fazer parte de cada um de nós, e principalmente daqueles que são conhecidos como o futuro de nosso país. Nós queremos ser atendidos por futuros médicos e advogados que um dia manifestaram não ter um mínimo de humanidade e respeito ao próximo?

Por Amanda Fischer, jornalista, especialista em divulgação científica pela Universidade de São Paulo.

Uma resposta para “Eles são mesmo o futuro de nosso país?

  1. Trote é legal, mas até certo ponto. Pintar o rosto, fazer brincadeiras de BOM GOSTO e arrecadação de alimentos pra doação é que é um trote legal.. quando passa disso, já vira muita bagunça e ninguém mais se respeita. Hoje em dia, temos que ter medo até quando passamos em uma faculdade?! Um absurdo, né? :S

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s